Código de Conduta e Princípios Éticos

O fato de uma Organização ter um “Código de Ética e/ou Conduta” implantado, não quer dizer que seus stakeholders seguem o que foi estabelecido como condutas aceitáveis e permitidas pela Organização.

 

Minha experiência de mais de 18 anos lidando com isso, mostra que a gestão do Código de Conduta e sua plena aderência pelos stakeholders é, na maioria de vezes, precária.

Isso ocorre em função do Código de Conduta ser entregue na hora da contratação do stakeholder e nunca mais tratado como fio condutor organizacional. Não há uma agenda ética e moral que cuide disso.

O que falta para fazer com que um Código de Conduta, após sua implantação, fique “vivo” dentro da organização?

Entendo que faltam várias etapas. A principal é um teste que mede a aderência, pelos stakeholders, ao Código de Conduta. Após essa aferição, várias atividades podem ser realizadas de forma efetiva.

Esse teste deve ser conduzido por quem entende de Cultura Ética e Moral Organizacional. Se for feito de forma amadora, produzirá resultados falhos.

Nós da Aprendendo a Pensar somos especialistas no Desenvolvimento da Cultura Ética e Moral Organizacional. Fazemos isso para diversas organizações de todos os portes e segmentos.

 

Nosso papel é analisar o seu Código de Conduta, criar questões relevantes e que podem aferir riscos organizacionais, aplicar o questionário de forma anônima para os stakeholders, produzir um relatório detalhado e apresentar o mesmo com recomendações.

Baixe nossas apresentações e vamos conversar. Tenho certeza que podemos realizar um trabalho em conjunto muito produtivo e edificador.

© Todos direitos reservados a 7S Projetos Ltda | Aprendendo a Pensar - Especialistas em Ética e Moral

    São Paulo - Brasil - info@aprendendoapensar.com.br

  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone Twitter
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone LinkedIn